Diorgenes Borges, estudante do Brasil, estudou inglês na Universidade Rice (Rice University) em Houston, Texas.

Diorgenes Borges, estudante do Brasil, estudou inglês na Universidade Rice (Rice University) em Houston, Texas.

Por que você resolveu estudar nos Estados Unidos?

Escolhi estudar nos Estados Unidos porque a empresa onde eu trabalhava tinha um escritório em Houston, Texas.

Como você escolheu o seu curso de inglês?

Um amigo me passou informações a respeito do curso de inglês da Universidade de Houston e, após algumas pesquisas e coletando mais informações sobre o curso, percebi que era o melhor programa comparado com outras opções disponíveis em Houston.

Do que você mais gostou sobre o  seu curso?

Os professores, com certeza, foram a melhor parte do programa. Eles eram habilitados a ensinar e entender como lidar com estudantes de diferentes experiências e nacionalidades. 

Do que você sente mais falta?

Da minha familia e amigos.

Há quanto tempo estudou nos Estados Unidos? O seu inglês melhorou? Você acha que o curso vai lhe ajudar nos seus estudos em um universidade dos EUA?

Eu fiz aulas por 6 meses, o que me ajudou muito para desenvolver meu inglês. No meu caso, o meu objetivo era desenvolver minha carreira. Estudar e trabalhar nos Estados Unidos definitivamente mudou minha carreira e ajudou no meu crescimento no mundo corporativo.

O que mais lhe surpreendeu em relação à vida e  educação nos Estados Unidos?

A rapidez com que fiz amizades e como aumentei minha rede de conexão, em um período de tempo tão curto. Enquanto estava estudando, tive a chance de conhecer pessoas de lugares e histórias diferentes, mas quando trabalhamos para alcançar os mesmos objetivos, uma cultura e língua diferentes não são mais barreiras.

Como você administra:
... as diferenças no idioma?

Eu me expus ao inglês ao máximo possível e tentava falar com americanos para que pudesse praticar e desenvolver meu inglês. Eu não tinha medo de dizer algo errado e sempre prestava atenção na maneira como outras pessoas falavam.

... as finanças?

Como eu estava trabalhando antes, fui capaz de me preparar financeiramente com antecedência.

... sua adaptação ao sistema educacional americano?

O fato das universidades já lidarem com muitos estudantes internacionais faz com que a transição seja mais tranquila.

Quais são suas atividades?

Eu me mantenho ocupado jogando futebol, vôlei de quadra ou de areia, jogos com amigos e fazendo trabalho voluntário. Houston oferece também muitos eventos esportivos o ano todo. E viajar nos Estados Unidos é ótimo para relaxar e conhecer mais sobre sua cultura e história.

Foi fácil ou difícil fazer amigos nos Estados Unidos?

Fazer amizades pode ser um grande desafio para muitas pessoas. Mas basta um simples passo como dizer “oi” para alguém, se apresentar, falar um pouco sobre o seu passado, para se construir uma nova amizade. Fiz muitas amizades praticando esportes e conheci muitos estrangeiros pelo fato de termos passado por situações parecidas. É importante estar aberto para dizer “sim” quando pessoas te convidam para eventos e dar a chance para outras pessoas te conhecerem e também para você conhecer outras pessoas.

Quais são suas metas profissionais?

O meu objetivo na minha carreira profissional é atingir uma posição de alta gerência, e minha educação nos Estados Unidos tem contribuído diretamente para o meu desenvolvimento. Os meus estudos também me proporcionaram uma troca de experiência com outros estudantes, o que me ajuda com os meus objetivos pessoais e me dá ideias de como fazer coisas de maneira diferente.

O que você aconselharia a outros estudantes do seu país que estejam pretendendo estudar nos EUA?

Estudar em um outro país parece intimador, mas o que você pode ganhar é inestimável. Para nós, vindos do Brasil, a cultura não é muito diferente e a língua não é tão difícil de aprender. Os Americanos, de modo geral, são muito amigáveis e mostram interesse em aprender sobre o Brasil. Se você está pensando em estudar nos Estados Unidos, faça uma pesquisa sobre a universidade, a cidade onde você estará localizado, os custos de vida e prepare-se para mergulhar totalmente no programa. Eu recomendo estudar nos EUA, não apenas pelo que você vai aprender na escola, mas também pela experiência de vida. Estudar no exterior é uma oportunidade única para explorar um novo país, novas cidades, experimentar novos tipos de comida, conhecer pessoas interessantes e também se auto-conhecer.

Show More


Baixe nossas revistas Study in the USA ®

SUSA_img_200x55.jpg
Baixe nossas revistas Study in the USA®

Related Schools